7 de setembro de 2010

Não me chame pra lotar o céu...

Antes de ir deitar me deu vontade de postar isso no blog...

 

Fomos fazer uma visita a uma família bem simples, nos arredores de nossa propriedade, e que está passando por um período de luto, após a perda de um dos filhos em um acidente de trânsito.

Como o menino era bem do nosso convívio, especialmente pra aqueles que jogam futebol, resolvemos chorar com os que choram e abraçá-los nesse momento.

Então, por que a postagem?

Porque estou convicto que o evangelho tem que ser simples, e sem pretensões, para ser o puro evangelho.

 

Não fomos ali a procura de lotar o céu.

Não fomos ali para entrar numa rinha teológica.

Não fomos ali para uma pequena amostra grátis do juízo final.

 

Fomos apenas pra dizer:

“Deus se importa com você. Está olhando pra você nesse momento.

E espera o seu olhar de volta a Ele.”

 

Foi marcante pra mim.

Saí cheio da presença de Deus.

E feliz, porque quando somos naturais na nossa vivência do evangelho...

Deus faz o sobrenatural.

 

Deus, você é bom.

E eu te amo muito.

Obrigado mesmo, por ser quem és.

Um comentário:

sebastiao e sandra disse...

É isso mesmo Saulo! Evangelho simples assim...
Obrigada por postar saudades de vcs bjus